Pesquisas frequentes

Filhos

Filhos

Ensine-o a partilhar

02 julho, 2014

Como convencê-las de que partilhar é bom? O que fazer quando as suas palavras preferidas são "meu", "eu" e "mim"? É necessário que entendamos que para uma criança de quatro anos emprestar um brinquedo é algo difícil porque ainda não desenvolveu as competências que a nós, adultos, fazem com que nos sintamos satisfeitos quando partilhamos. Teremos que esperar até que completem cinco ou seis anos de idade para que comecem a fazê-lo.

Nada de sermões

Os especialistas recomendam que, quando a criança se recusa a partilhar, não lhe façamos sermões sobre as vantagens de ser generoso, mas sim que a elogiemos sempre quando decide partilhar ou emprestar algo.

Educar no respeito

Também não devemos forçá-la, mas sim tentar convencê-la a praticar o bem. Se a obrigarmos a largar um brinquedo, a criança não entenderá que não pode tirar o brinquedo de outra criança sempre que lhe apetece. É fundamental respeitar a sua decisão se queremos ensinar-lhe a respeitar os outros.

Ensiná-la a ser generosa

Proponha-lhe soluções e trocas, como dizer-lhe que se emprestar o seu carrinho à outra criança esta emprestar-lhe-á a sua bola. Assim, aprenderá que partilhar até pode ser algo benéfico.

Evite os conflitos

Antes de ir brincar com outras crianças, decida com o seu filho que coisas não vai querer emprestar aos seus amigos e mantenha-as num lugar seguro, fora da vista. É a melhor maneira de evitar brigas e birras.

Seja um exemplo a seguir

A tolerância e a generosidade são valores que nos tornam melhores e que devemos mostrar aos nossos filhos. Ao vê-la a partilhar, o seu filho acabará por perceber que é algo normal. Aproveite todos os pretextos para que a veja a partilhar e explique-lhe quais as vantagens de o fazer.



Programa Danone

Some pontos e consiga
descontos, ofertas e muito mais!

Descubra como funciona